Como a musculação ajuda na prevenção da trombose

1
1191

É de conhecimento de todos que os exercícios físicos auxiliam na prevenção e tratamento de diversas condições de saúde. Dentre as  doenças graves que podem ser evitadas, inclusive com a musculação, está a trombose. A seguir falaremos mais sobre esse assunto para que você possa entender como a musculação ajuda na prevenção.

O que é trombose?

O nome completo dessa doença é Trombose Venosa Profunda (TVP). Se trata de uma complicação causada pela formação de coágulos no sangue. Eles surgem geralmente nas pernas, mas podem acontecer em outras partes do corpo.

O principal problema dessa doença é que o coágulo prejudica a circulação sanguínea e afeta negativamente o funcionamento do organismo. Assim, é uma doença grave devido à deficiência de irrigação do coração, pulmões e cérebro.

Quais são as causas da trombose?

A maioria dos fatores que causam a trombose estão relacionados ao sedentarismo e outros hábitos pouco saudáveis. Trabalhos que envolvem muito tempo sentado ou em pé, sem movimentação, facilitam o surgimento da doença. O sobrepeso, uso de anticoncepcional e o tabagismo também aumentam os riscos de desenvolver a trombose.

Quais são os sintomas dessa doença?

Os sintomas mais comuns da trombose são dores, inchaço, calor, veias salientes, manchas na pele e sensibilidade no órgão afetado. No entanto, pode ocorrer dos sintomas não se manifestarem até que a situação seja grave, intensificando a importância da prevenção.

Como a musculação e outros exercícios físicos ajudam na prevenção da trombose?

Ficar muito tempo na mesma posição, o que inclui o sedentarismo, é um dos grandes fatores que causam a trombose. Portanto, nada mais natural do que os exercícios físicos auxiliarem em sua prevenção.

Estudiosos já realizaram pesquisas visando verificar como as atividades físicas atuam em relação à formação de coágulos. Um dos testes realizado foi comparar o sangue de sedentários e atletas após a prática de agachamentos com pesos. Qual resultado você acha que foi obtido? Nos dois casos foi comprovado que o exercício contribuiu para o equilíbrio das enzimas responsáveis pela coagulação do sangue.

A musculação não é o único exercício que contribui para a prevenção da trombose. Mas é bem interessante, pois fortalece  os músculos, os ossos e os tecidos. Desta forma, ela auxilia o melhor funcionamento do organismo como um todo e facilita a execução das atividades diárias.

É claro que evitar o cigarro e ter uma boa alimentação também são fundamentais nesse processo. Como já foi mencionado, tanto o tabagismo como o sobrepeso são facilitadores da ocorrência da TVP. A trombose é uma doença que pode atingir pessoas de qualquer sexo ou idade. O cultivo de maus hábitos que pode ser um facilitador para seu surgimento.

Se não diagnosticada antecipadamente ela pode ser fatal. Portanto, como sempre, a dica que damos é: prevenir é o melhor remédio.

Praticar musculação e outras atividades físicas, além de evitar a trombose, também evitará muitas outras doenças, inclusive psicológicas. Saiba mais sobre o assunto lendo também o nosso artigo: Os benefícios das atividades físicas para a depressão. Ficou alguma dúvida? Deixe-nos um comentário.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here