Está sem tempo de ler? Ouça no player abaixo.


 

O mundo em 2020 virou de cabeça para baixo. A pandemia causada pelo covid-19 mudou a nossa rotina de maneiras inimagináveis e, hoje, atividades triviais não podem mais serem realizadas. Qual será a tendência para academia em 2020?

Esse é um questionamento muito comum, afinal, grande parte das pessoas está acostumada com uma rotina de treinos e as recomendações de distanciamento social ocasionaram o fechamento desses estabelecimentos.

Como que o mercado fitness vai atuar a partir de agora? Houve muitas mudanças e é necessário se adaptar. Descubra a tendência para academia em 2020.

Tendência para academia em 2020: antes do coronavírus

Já faz algum tempo que as academias estão se reinventando e no começo do ano muitas eram as apostas das redes de musculação. A tendência para academia em 2020 era investir cada vez mais em diversidade.

E por que estamos falando isso nesse momento? Muitas coisas irão mudar após a quarentena (como as questões de home office, por exemplo, que será uma tendência), mas as redes de academia não sofrerão grandes mudanças.

É claro que as questões de higienização serão levadas para sempre, mas a organização em si, tende a se normalizar quando o mundo se ver livre do covid-19.

A tendência do começo do ano irá se prorrogar. As redes de academia pretendem investir cada vez mais em atividades diversas, indo além da musculação propriamente dita.

Aulas de spinning e dança já são atividades relativamente comuns, mas o leque de opções tende a ficar ainda maior. Aulas de luta e prática de yoga, por exemplo, estão sendo incorporadas.

O objetivo é atrair cada vez mais alunos de diferentes gostos, mas que tenham um objetivo em comum: praticar atividade física e investir na saúde (seja ela física ou mental).

Então, no mundo pós-pandemia a tendência é essa diversificação de atividades.

Tendência para academia em 2020: durante o coronavírus

Mas e durante a quarentena, qual a tendência para academia em 2020? A grande maioria das atividades está suspensa e muitos estabelecimentos não pretendem abrir, mesmo com a liberação oficial desse serviço.

Durante esse período a tendência são as lives e videoaulas. É possível praticar atividades à distância e com apenas alguns equipamentos o aluno consegue trabalhar todas as partes do corpo.

É claro que os resultados não serão tão potencializados, mas é totalmente possível trabalhar cárdio e treino de força. Quem tem a possibilidade de investir em um equipamento ou outro (como pesos ou elástico) melhor ainda!

Os professores das academias estão gravando muitas aulas de treino e é muito interessante porque as atividades acabam ficando mais dinâmicas, já que cada dia é um treino diferente.

A tendência para academia em 2020 quando os estabelecimentos abrirem – mas ainda com limitações por conta da pandemia – é manter um pessoal mais reduzido.

Políticas de higienização também deverão ser seguidas à risca e, claro, todos deverão usar máscara ao decorrer do treino.

A importância do acompanhamento profissional

Fazer exercício em casa traz grandes resultados, mas também pode ser muito perigoso e, por isso, é essencial que o aluno tome muito, mas muito cuidado ao realizar os exercícios.

Mesmo que não haja a sobrecarga com os pesos, como não há o auxílio do equipamento para guiar o movimento as chances de realizá-lo errado são maiores, causando problemas nas articulações e dores.

A recomendação é: sempre assista treinos com profissionais que expliquem muito bem a realização de cada movimento. Cabe ao aluno fazer o movimento com muita atenção e sempre prestando atenção nas posições.

Resumindo, a tendência para academia em 2020 durante a pandemia são os exercícios em casa. Após a normalidade TOTAL, as academias voltarão com tudo e cada vez com atividades mais diversificadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here