Saber se a natação para bebê no inverno é recomendada é algo muito importante, especialmente uma vez que a natação é o único esporte que, quando aprendido, pode ajudar a salvar uma vida.

Com isso em mente, qualquer decisão de adiar as aulas de natação de uma criança nos meses de inverno deve ser considerada com cuidado.

Uma vez que o perigo de afogamento ou de passar por outros problemas na água não termina no inverno, pode-se afirmar que, sim, a natação para bebê no inverno é recomendada.

A natação para bebê no inverno é recomendada?

Por que a natação para bebê no inverno é recomendada?

Um estudo realizado em março de 2009 pelo Instituto Nacional de Saúde concluiu que “participar de aulas formais de natação estava associado a uma redução de 88% no risco de afogamento em crianças com idade entre 1 e 4 anos”.

A participação em aulas de natação durante o inverno aumenta a consciência e a segurança na água de uma criança. Ou seja, é extremamente importante para ela praticar exercícios na piscina.

Sabendo que a natação para bebê no inverno é recomendada, conheça benefícios que ela traz para seu filho.

Aprendizagem e desenvolvimento

Crianças precisam reforçar habilidades existentes para avançar e desenvolver suas habilidades na água.

– Meses de aulas de verão acabam “indo para o lixo” se não continuadas durante o inverno, pois as crianças perdem sua experiência na água, tanto física como psicologicamente.

  • Tal manutenção e reforço é particularmente importante para crianças e bebês, uma vez que a retenção de habilidades a longo prazo e a memória muscular estão começando a se desenvolver.

Além disso, a natação tem provado ajudar no desenvolvimento do cérebro e, para as crianças em idade escolar, é considerada vital para o desenvolvimento do desempenho acadêmico.

A natação para bebê no inverno é recomendada para auxiliar na coordenação, em habilidades motoras, equilíbrio e concentração.

Regressão em confiança e desempenho

Seis meses fora da água durante o inverno podem levar a problemas como medo da água e um declínio no desempenho.

– A participação contínua em aulas de natação durante o inverno é a melhor maneira de prevenir resultados indesejados.

  • Eles podem incluir medo da água, preocupação com a profundidade ou apenas desconforto ao redor da piscina.

– A incapacidade de assistir às aulas invariavelmente leva a que a criança não consiga ter um desempenho no nível que antes era capaz de ter e, por sua vez, a um declínio na confiança e no desempenho.

Benefícios para a saúde na natação para bebê no inverno

Níveis mais elevados de condicionamento físico adquiridos durante a natação em todo o ano melhoram o sistema imunológico, tornando a criança mais resistente a estresse e à doenças.

– Alguns pais tiram seus filhos das aulas de natação quando a temperatura cai, acreditando que isso ajudará a evitar doenças.

  • Mas esse é um antigo mito, que nem o que diz que crianças com o cabelo molhado que “saem para o frio” adoecem.

A natação para bebê no inverno é recomendada também porque as crianças que nadam durante o inverno são muito menos propensas a pegar resfriados e gripes.

Conclusão

Nadar, juntamente com uma boa nutrição, pode ajudar os seus pequeninos a se manterem em forma e saudáveis ​​durante o inverno.

A descontinuação das aulas durante os meses de inverno normalmente resulta em um declínio na confiança e independência da criança na água.

Além da questão muito importante da segurança da água, a natação para bebê no inverno é recomendada pelos motivos acima citados e deve ser priorizada dentro do cronograma e orçamento da família durante todo o ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here