Você conhece os fundamentos do Jiu-Jitsu? Ele é muito mais do que apenas uma arte marcial, e ainda possui um grande diferencial: sua luta não utiliza força bruta ou violência, apenas técnicas inteligentes que deixam o adversário sem saída.

Por isso, muita gente procura o esporte e se apaixona pelos seus fundamentos. Por ter uma filosofia própria e acabar se tornando um estilo de vida, o Jiu-Jitsu ganha força e seus atletas acabam tendo mais disciplina e dedicação.

Se você quer saber mais sobre o Jiu-Jitsu e seus fundamentos, e quer entender como funcionam os ensinamentos dentro dessa arte marcial, não deixe de ler este artigo e conferir todos os detalhes que trouxemos para você.

Quais são os fundamentos do Jiu-Jitsu?

Os fundamentos do Jiu-Jitsu giram em torno de disciplina, inteligência e técnica. Por isso, é preciso ter muita paciência para começar a aprender essa luta e ter a capacidade de entender como ela realmente funciona para aprender da melhor maneira.

Acontece que muitos alunos chegam nas aulas já procurando pela ação, ou querendo descobrir as técnicas de finalização, mas não é assim que funciona. O Jiu-Jitsu não é uma luta de combate violento, e sim uma arte com técnicas de inteligência e sustentação.

Por isso, ele é considerado a arte suave, e prioriza seus fundamentos. Se você quer conhecer mais sobre a filosofia, a estrutura e os fundamentos do Jiu-Jitsu, não deixe de descobrir, a seguir, quais são os seus três pilares.

Os três pilares do Jiu-Jitsu

Há quem diga que o Jiu-Jitsu se assemelha a um jogo de xadrez: Você constrói a sua estratégia baseando-se nos movimentos do adversário. E isso não deixa de ser uma verdade, se formos analisar os fundamentos do Jiu-Jitsu veremos que de fato a observação é importante para o ataque.

E, a partir disso, podemos dizer que o Jiu-Jitsu se baseia em três grandes pilares, que são partes principais da estrutura da arte marcial, e que ajudam a desenvolver as técnicas do esporte. Veja, a seguir, quais são eles:

  • Base

Quando se fala na base do Jiu-Jitsu podemos dizer que ela se trata das pernas e dos joelhos. Afinal, eles são a sustentação do nosso corpo.

Para ter uma base sólida e resistente, é preciso saber posicionar as pernas e os joelhos, além de aprender a se movimentar sem perder o equilíbrio e sem deixar que o adversário desmonte a sua base.

A base é o apoio de todo lutador, e precisa ser um dos pilares mais fortes para evitar quedas e, consequentemente, o fim da luta.

  • Postura

A postura é outro pilar importante, e diz respeito ao alinhamento do corpo durante a luta. E, para guiar o alinhamento, é preciso saber movimentar a cabeça.

Afinal, a cabeça é a parte mais importante, já que é a parte mais pesada do corpo e, conforme ela se move, todo o corpo a acompanha. Além disso, ela também tem o poder sobre o peso que é aplicado na base.

  • Controle

Por fim, temos o controle, que é o terceiro pilar. Em uma luta de corpo a corpo, o ideal é ter controle sobre o adversário e saber como dominá-lo.

Para isso, é preciso observar cada movimento, entender a sua estratégia e criar uma forma de atingi-lo através dela. No Jiu-Jitsu, as articulações e extremidades do corpo são o alvo e a força do oponente deve ser utilizada contra ele mesmo.

Jiu-Jitsu e saúde

O Jiu-Jitsu não é apenas um esporte de combate, como você acabou de ler. Ele é uma arte marcial, uma filosofia e um estilo de vida.

Por isso, ele pode contribuir muito para com a sua saúde, tanto física quanto mental, e pode ajudar a construir um caráter mais digno.

Portanto, agora você conhece todos os fundamentos do Jiu-Jitsu e já sabe como essa arte marcial funciona.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here