A importância da respiração correta durante o treino

1
3226
mulher se exercitando com respiração correta

Respirar corretamente é importante de um modo geral, pois reduz a tensão dos músculos, a ansiedade e, consequentemente, proporciona a sensação de relaxamento. Durante a prática de atividades físicas a respiração adequada torna-se ainda mais importante, pois ela influencia no foco, na atenção e nos resultados vitalícios dos exercícios.

Contudo, isso não quer dizer que para todo tipo de exercício existe apenas uma forma correta de respirar. Falaremos de forma mais detalhada sobre o assunto para que você possa adequar a sua respiração de acordo com o tipo de treino que realiza e obter melhores resultados.

O básico da respiração correta

Em primeiro lugar, é importante que você saiba alguns aspectos básicos da respiração correta que deverão ser considerados mesmo diante das variações que apresentaremos a seguir. Existem, basicamente, duas formas comuns de respirar: pelo tórax e pelo diafragma. A mais saudável e indicada para as mais diversas práticas é a respiração pelo diafragma.

Esse tipo de respiração é simples, auxilia no controle do nível de estresse e das funções que demandam mais da respiração, por exemplo, o canto e a própria atividade física. De um modo geral, respirar pelo nariz é mais saudável, pois o ar chega mais quente, puro e úmido aos pulmões. Contudo, a execução de movimentos corporais pode exigir maior ventilação no organismo, portanto, na hora dos treinos, você deve deixar isso de lado!

Respiração correta para os treinos de força

Nos treinos de força, como é o caso da musculação, o ideal é expirar no momento da realização do esforço e inspirar no retorno, pois durante a expiração os músculos se contraem e promovem mais sustentação para o corpo na execução do movimento. Isso garante a efetividade dos exercícios, pois, pode-se dizer que a respiração complementa a mecânica do movimento realizado e seus efeitos nos músculos.

Respiração ideal para os treinos aeróbicos

Os treinos aeróbicos, como corrida ou dança, não exigem um tipo de respiração específica. Deve-se respeitar o que o corpo pede e procurar executar os movimentos de inspiração e expiração de acordo com o ritmo e intensidade da atividade. O importante mesmo é respirar em todo o momento, fazer sempre a respiração abdominal (diafragmática) e, sempre que necessário, usar a boca como auxiliar para maior ventilação.

Respiração para exercícios de relaxamento

Treinos relaxantes, como o pilates e o yoga, são cada vez mais procurados nas academias. Nesse tipo de atividade física, a respiração é fundamental e parte de toda a sua execução de uma forma ainda mais direta. Nestes casos, deve-se buscar a respiração profunda, visando esvaziar todo o diafragma na expiração antes de iniciar a inspiração. Assim como na musculação, o ideal é expirar durante a realização do movimento e inspirar na sua preparação.

Consequências da respiração incorreta durante o treino

O que acontece se você respirar de forma errada enquanto pratica exercícios físicos? Além de reduzir ou, até mesmo, anular os efeitos dos movimentos praticados, você provavelmente sofrerá com dores laterais, causadas por uma espécie de câimbra no diafragma e fadiga, devido a ventilação e oxigenação insuficientes no organismo.

Agora você está preparado para respirar corretamente durante os treinos! Mas, ainda temos um alerta: evite conversar ou se distrair da respiração durante a atividade. Encare cada ato de inspirar e expirar como um movimento integrado ao exercício.

Sabe o que mais é importante de ser realizado corretamente para maior efetividade dos treinos? Dormir! Conheça mais sobre o assunto em nosso texto: A importância de regular o sono.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here