O que acontece quando você treina por muito tempo e para repentinamente

<


Parar de treinar

Muitas vezes, os rumos da vida mudam e então algumas ações de nossas vidas deixam de ser feitas, pois as prioridades mudam. Dessa forma, é natural você deixar o treino de lado em algum momento.

Contudo, talvez essa não seja a melhor alternativa, pois o corpo irá sofrer algumas alterações visíveis e invisíveis, alterando a forma como você se enxerga no espelho, bem como, a sua qualidade de vida.

No post de hoje, você vai entender o que acontece com o seu corpo quando você para de treinar repentinamente e entender porque essa não é uma boa alternativa.

Primeiros sinais que surgem quando você para de treinar

Se você treina por muitos anos e para repentinamente, você com certeza irá perceber os sinais que surgem logo nas primeiras semanas:

No corpo físico

  • Redução da massa muscular: o treino é fundamental para a manutenção e crescimento da massa muscular. Assim, quando você deixa de realizar seus treinos, a perda passa a ser maior, já que o organismo não recebe estímulos para construção de fibras musculares. É possível que você tenha a impressão de que emagreceu, porém isso não é bom, porque não está perdendo gordura.
  • Aumento da flacidez: outro sinal que você irá notar já no primeiro mês, uma vez que a perda de massa muscular e a falta de treinos farão com que você perca tônus rapidamente, dando espaço para o excesso de pele e gordura;
  • Estrias: outro sinal clássico, já que elas costumam surgir exatamente quando se perde ou se ganha muito peso. Isso acontece, porque nesse processo é comum que a pele perca elasticidade, causando rupturas.

No mental

  • Alterações de humor: como o treino permite a regulação de hormônios que causam a sensação de bem-estar, isso será comprometido. Dessa forma, é natural que se você parar de treinar, sinta-se mais irritado e estressado;
  • Falta de disposição: outro sintoma causado também pela falta de regulação de hormônios causada pelos treinos;
  • Menos libido: também está ligada à produção desregulada de hormônios;
  • Insônia ou excesso de sono: o treinamento físico permite boas noites de sono, mas sem ele e também pela falta de regulação hormonal, é comum que isso aconteça;
  • Baixa autoestima: com tantos processos acontecendo no corpo e na mente, esse é um momento em que sua autoestima pode ficar baixa.

Parar de treinar

O que acontece com a saúde ao parar de treinar

Além de todas as alterações físicas e mentais que você pode perceber se parar de treinar repentinamente, também poderá sofrer alguns danos na saúde que, a princípio, podem ser invisíveis como, por exemplo:

  • Aumento dos níveis de colesterol;
  • Hipertensão;
  • Diabetes;
  • Entre outros.

O que fazer para não parar de treinar

parar de treinar

Desde que não seja uma recomendação médica, se você precisa adequar sua rotina de treinos o ideal é reduzir a quantidade de dias treinados, aumentando a intensidade dos treinos ou optando por formas mais rápidas de treinar.

Aqui na Pratique, você conta com profissionais que o ajudarão a adequar a rotina de exercícios à sua vida. Por isso, entre em contato conosco hoje mesmo e faça a sua inscrição!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pratique Google