Alongamento: fazer antes ou depois do treino?

O alongamento é um dos principais exercícios feitos em academia. Ele é muito importante, pois fortalece os músculos e previne lesões. Mas você sabe qual o melhor momento para se alongar? Antes ou depois do treino? Neste post, damos algumas dicas para você fazer o alongamento de maneira correta. Confira!

O que é alongamento?

O alongamento é um exercício de relaxamento dos músculos. A atividade faz com que o corpo fique preparado paras as atividades e responda melhor ao treino. Quando praticado antes da atividade física, o alongamento ajuda o corpo a se “acostumar” com o exercício e evita que haja um grande impacto na hora de começar os treinos. Já se praticado após o exercício, ajuda a prevenir lesões, torcicolos e distensão muscular.

Quais os benefícios do alongamento?

Entre os principais benefícios do alongamento está a prevenção de lesões, melhora da flexibilidade e da postura, e o alívio das dores musculares. Além disso, alguns tipos de alongamentos são indicados para pessoas que tem problemas de postura, como lordose e escoliose, por exemplo.

Quando devo me alongar?

Antes e após a realização de atividades físicas. Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, no entanto, o alongamento não deve ser feito apenas por quem faz musculação. O exercício é indicado para todas as pessoas que praticam atividades físicas, em especial as de alto impacto como tênis, corrida e natação. Além disso, também é praticado nas aulas de pilates e de RPG (reeducação postural global).

O alongamento, no entanto, também pode ser praticado por quem deseja eliminar as dores musculares causadas pela rotina. Se você, por exemplo, trabalha muitas horas sentado, o ideal é levantar e se alongar pelo menos uma vez ao dia. Desse modo, você estimula a circulação sanguínea do corpo e evita dores ao fim do dia. Além disso, por ser um exercício de baixo impacto e pela facilidade de execução, o alongamento pode ser praticado a qualquer hora e em qualquer lugar.

Como me alongar?

O alongamento deve ser feito com cuidado e atenção. Mesmo sendo um exercício de baixo impacto, se for realizado de maneira incorreta pode causar lesões e piorar as dores. Na hora de se exercitar, preste atenção na respiração, pois é ela que dá ritmo à atividade. O indicado é respirar lenta e profundamente durante o exercício.

A prática regular do alongamento fortalece os músculos e faz com que a atividade vá ficando mais fácil de executar com o passar do tempo. Mas atenção: respeitar os limites do seu corpo é fundamental. Fazer muitas repetições do exercício pode causar estresse e fadiga muscular.

[newsletter-shortcode]

Quais os tipos de alongamento?

Muitas pessoas acham que só existe um tipo de alongamento. No entanto, existem diferentes modalidades. Entre as principais estão o alongamento estático, dinâmico e passivo. Cada um deles trabalha um grupo muscular diferente e é indicado para um tipo de pessoa. O ideal é procurar ajuda de um profissional antes de começar. Ele vai te indicar o melhor tipo de alongamento e ajudar na hora da execução.

Agora que você já sabe qual o melhor momento para fazer alongamentos, que tal começar a praticar? Além de relaxar a musculatura, o alongamento melhora a postura e previne lesões. Ficou com alguma dúvida sobre esse assunto? Comente abaixo.

3 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password